descontextualizando o correio eletronico

p.s. – nao apaguei a tripa.

kito, achei os CAVALINHOS de ny.
tem varios cavalinhos, btw. nao fui, ainda. nao irei nos cavalinhos sem o cainelli constrangendo as garconetes (porque a relacao deles nao ta legal, ela faz cara feia quando ele pede algo, e se eles querem prosperar, cada um a seu modo – o cainelli bebendo e a garconete vendendo a cerveja – eles vao ter que se acertar), ou sem o sandro me negando cigarros, mas o taiago me dando cigarros, e sem o kito dando as dicas que realmente importam, tipo nunca apostem no oito, o oito nunca ganha, ou o pyw reclamando que eu peguei a vez dele de apostar e por isso ele perdeu QUATRO pila, ou o renan aparecendo com uma camisa xadrez e nenhuma nocao das apostas, ou aquela janta barata e de qualidade para a familia brasileira.
agora falta achar um clube de poquer. ou alguns companheiros de abuso de alcool regado a poquer valendo algumas patacas.
o futebol eu ja achei. varios, alias. so nao cheguei perto deles ainda, mas sei aonde estao.
por sinal, eu e o pyw, aqui, fariamos uma bela disputa de gol a gol. reedicao do confronto no castilhos/2008. (campos de grama artificial de fut7 estao por tudo que eh lugar, aqui. a area eh redonda, e os laterais sao cobrados com as maos, mas fora isso, eh o futebol 7 do qual todos aprendemos a gostar)
saudades dos sitios. aqui nao tem sitios, so casas suburbanas, ate comecar alguma outra grande cidade. consequentemente, nao tem ovelhas. ou nao usam elas pra carne. tem pe de galinha e enguia por tudo que eh lugar, mas nao tem ovelha (eu culpo os chineses).
nosso time dos futebois de domingo (qualquer um dos dois que eram sempre escolhidos) seria campeao municipal amador com facilidade, a julgar pelos 5 ou 6 embates de futebol 7 que eu ja assisti por aqui.
wendy’s humilha QUALQUER outro fastfood.
serio. super serial. melhor hamburguer. tostado que nem um cadaver de acidente de drag racing. suculento que nem um bife do alfredo’s, num dos dias bons.
e, por fim, na plena conviccao de que esta troca de emails eh prova publica e notoria de meu pioneirismo na ideia, conclamo todos voces a formar um investment fund para que eu possa abrir uma imitacao do CAVANHA’S aqui em manhattan.
serio, quem entrasse nessa ia nadar em CORREGOS de verdugas pelo resto de sua vida natural.
ou ia se arrepender pra sempre, como quem compra uma kombi. mas ao menos teria uma historia para contar. *voz de velho* eu fui o pioneiro do xis gaucho em nova iorque, quando a gente ainda chamava nova iorque de nova iorque, e nao de destrocos do grande ataque nuclear russo de 2011, e o negocio so nao deu certo por causa dos malditos chineses.

serio, hear me now, believe me later.
xis com um monte de freedom fries/belgian fries em cima, como jesus gostaria que fosse. do tamando de uma calota de automovel, cheio de ervilha e milho, como o que um dia o castilhos nao quis pagar pra mim. safadeza.
sem maionese, claro.
ok, tenho que dormir. essa semana tem van gogh no MoMA e muitas confusoes, com esse maluco a solta na capital do mundo *flash de imagens minhas sentado sozinho no mcsorleys old alehouse com 4 canecos de cerveja na mesa, e apos, entra comercial de colgate*
*big wink*

6 Responses to “descontextualizando o correio eletronico”

  1. Luciano Pill Says:

    Sério Mateus, esse post fez minha manhã melhor.

  2. Lucas Says:

    E Isso pq tu não ouviu o bagulho do Sonic.

    Deviam usar para resolução de conflitos. Por pra todo mundo assistir aquele cara jogando Sonic.

  3. Mir Says:

    Que post lindo!🙂

  4. Camila Granja Says:

    Ma?
    que cavalinhos?
    bjo

  5. mateus Says:

    Pyw: Tamo ai, maniche.
    Lucas: ouco toda manha. faz meu dia 4x melhor. “…we’re not gonna turn into some kind of, you know, wonderful, gleaming ultra-sonic, who’s gonna save the day. You know, the only Sonic who’s gonna save the day is the average Sonic. The average hedgehog. just, you know, a man… on a mission”
    Mir: ah, q nada. eh so saudades de voces e do churrasco. ah, o churrasco…
    Mila: jogatina, guria. jogatina.

  6. Rodrigo Says:

    E aí guri, belas palavras de esperança.
    And there boy, beautiful words of hope.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s


%d bloggers like this: