Archive for September, 2009

Avast, me lassies.

September 19, 2009

Boas novas.

 

 

Saiu, pelo netlabel Sinewave, o “Segundo Andar”, gravação do projeto HOTEL (idealização do empreendedor musical Douglas Dickel, no qual este que vos fala participa na guitarra e sintetizador)

 

Hotel foi (é) uma sessão longa de gravação na qual músicos que – na maioria das vezes – nunca tocaram juntos se trancam numa sala e tentam, ãhn, fazer música. No caso do “segundo andar”, foram 5 horas de uma manhã fria de domingo (lá por setembro, dois anos atrás), da qual participaram Brawl (Subtropicais, Fruet e os cozinheiros), Rodrigo Souto (meu colega de Andina) e o Douglas (Blanched, input_output).

 

Por sinal, dessa sessão de gravação do “Segundo Andar”, maluco, só boas lembranças. Nada melhor que ficar 5 horas trancado num estúdio com bons músicos, croissant e muito toddynho (ou algum achocolatado de litro genérico, não lembro, já faz dois anos…), tentando fazer algo relevante.

 

Mixado pelo Douglas, o GURI está finalmente sendo lançado oficialmente, junto com a primeira ediçao do projeto (“Terreo”, que havia sido lançado originalmente em 2007 pelo selo Open Field/Peligro – com participaçao de Yuri Hermuche (FireFriend, Frank Poole), Marcelo Koch (Blanched), Renan Stiegemeier (meu ERMÃO na Andina e na Farveste) e, obviamente, o próprio Douglas itself.)

 

Por fim, grande sítio, esse sinewave. além de lançamentos de post-rock/musica experimental nacional (mostly), ainda rolam uns quitutes espertos, como os minicasts (como esse, com uma das faixas do “Segundo Andar”, obviamente entitulada quarto 207, muito bem acompanhada por uma faixa dos Fuck Buttons, banda afude de BARULHO que eu tive a alegria de assitir abrindo pro Mogwai, ano passado).

 

Ainda, há muito tempo (ano passado), a sinewave relançou o primeiro disco da Farveste. Ah, e tem o catálogo, tambem, que sempre vale a pena ser explorado.

 

aaaah, adoro blogs de música.

 

 

download dos dois albuns do projeto Hotel, AQUI. (vá lá, são dois ótimos discos, sem querer puxar a brasa pra minha sardinha – e quem ASSA sardinha? nenhum sentido)

 

 

 

 

em NOTAS RELACIONADAS, hoje é o TALK LIKE A PIRATE DAY.

arrrrrrr.

Advertisements

Aconteceu…

September 7, 2009

… e assim que eu começo a correr na pista sinteticamente emborrachada que nos é gentilmente oferecida pela prefeitura local, me chama a atenção um china sendo devidamente esmorrugado por um graúdo vociferante, gritando pausadamente. a. primeira. regra. do. clube. da. luta. é. voce. nao. fala. sobre. o. clube. da. luta! a segunda. regra. do. clube… e a cada palavra, soco no malar. soco no osso zigomático. parietal. temporal. etmóide. e o representante da raça amarela(sic) sendo moido no chão da pista atletica que era coisa feia – mas sem atrapalhar os corredores, que mantinham uma distancia saudavel do espancamento, desviando pelas raias internas, eu fazendo o mesmo, a gente aprende a cuidar dos próprios negócios quando convém – o jovem asiático levava sua surra na penultima faixa de dentro para fora, e ja nao conseguia mais se defender direito quando o walid ismail lookalike se deu por satisfeito e saiu caminhando rápido pelos portões do complexo desportivo do rio do leste.

FLIGHT CLUB, era o que dizia atras da jaqueta do oriental, em letras largas.

(malditos membros de clubes secretos disléxicos )

sucesso instantaneo

September 4, 2009

(disclaimer – evitar o vídeo se tiveres nojinho da realidade*)

dia desses tava eu pensando no canal 20. eu andava pelas ruas cheias de lixo das redondezas do chinatown e pensava no canal 20 – o que pode parecer bem estranho, admito, mas vá entender as maquinaçoes do cérebro humano, essa formidável máquina de matar – enfim, caminhava sentindo cheiro de peixe, vendo chineses cuspindo seus pulmoes no chão e pensava em bibo nunes e paulão early years.

sim, porque eu curto o early stuff do paulao, antes dele ficar famoso e decidir ser vereador (safado). eu tenho ojeriza a esses fãs do paulao que viraram admiradores depois que ele FEZ GRANDE FAMA. oportunistas. penso o mesmo em relaçao ao ratinho. saudades de quando ele fingia que quebrava o fax, mas na real so dava umas pauladas de leve porque nao tinha dinheiro pra comprar outro. ah, e jogava o sapato no cameraman e mostrava videos de travestis fazendo sexo em cemiterios. ah, CNT/Gazeta. SDDS pegada.

mas tergiverso. o ponto é que eu tava pensando no canal 20 e no policia em açao early years, e em como a galere é atraída pela tragédia humana, o verdadeiro show da vida. ato continuo, surgiu como que por milagre a idéia do maior programa já criado na história do universo.

sem mais delongas, fiquem com o programa moedor em ação:

cheio de analogias aí, maluco. o moedor é como o tempo, ele não pára. vaca dos outros no moedor é refresco, e por aí vai (aceito sugestões, btw)

mas admito que falta uma abertura, com musica-tema, e tal. estamos trabalhando nisso.

* – minha JUNTA DE ADEVOGADOS aconselhou-me a colocar o disclaimer acima, o que me isenta de qualquer responsabilidade frente a qualquer coisa. é como se eu tivesse num ferrolho gigante. sensacional.