melhor site (5)

April 16, 2010

savage chickens

Advertisements

update do fim do mundo

March 30, 2010

CERN
Follow Lists

#LHC is now ramping down. This closes the first physics fill of protons at 7 TeV.Thanks for following and goodbye for today.
about 4 hours ago via web

Experiments have half million events! More than three hours of stable and colliding beams. WOW!
about 4 hours ago via web

Experiments have already recorded thousands of events! We had more than 1 hour of stable and colliding beams
about 6 hours ago via web

The Press Release is now available: http://bit.ly/9A2Me8
about 7 hours ago via web

Now we have stable colliding beams-first time ever at this energy!
about 8 hours ago via web

Live webcast: http://bit.ly/aQftoi (nota: meio tosco o webcast, cheio das FALHA)
about 8 hours ago via web

Experiments are collecting their first physics data – historic moment here! Watch the webcast, look at the photos – all live!
about 8 hours ago via web

Nature does it all the time with cosmic rays (and with higher energy) but this is the first time this is done in Laboratory!!
about 8 hours ago via web

First time in the history!!!!!!!!!!!! World record!!!!!!!!
about 8 hours ago via web

Experiment have seen collisions!!!!!!!!!!!
about 8 hours ago via web

(from CERN’s twitter – www.twitter.com/CERN)

preparação para 2012

March 24, 2010

pernas p qem te tenho, vão ligar o LHC de novo.

espero que não rompa o espaço-tempo.

melhor historia

March 13, 2010

Porra, Puma!

March 7, 2010

porra.

Porra Maurício!

March 4, 2010

genial

apice do cinema nacional

February 19, 2010

clássico instantaneo desse caldeirao fervente de espontaneidade e malemolencia que é a cultura de raiz do povo brasileiro, o filme a seguir merece desde já um lugar de destaque no panteão das grandes produções do injustiçado (rá!) cinema nacional.

sério mesmo, esse é nosso “turkish star wars”. que lhe seja dado o devido reconhecimento. e vivas ao youtube (chupa cicarelli – ns)

parte 1 – pontos altos – abertura é uma cena externa com alexandre pires dançando TRI a vontade. corta pro sertao baiano. mae de carlinha tosse forçado, pai pega cobra e resmunga da vida. carlinha sai dançando pra arranjar uns trocados na beira da estrada, aonde piás vendem passarinhos e iguanas enquanto tentam ser atropelados por caminhoes.

parte 2 – aos 2:28 rola uma HINT de pedofilia PEGADA, ali. triste, mas um retrato fiel do nordeste, terra da pedofilia e do maxixe.

parte 3 – jovens passam os dias cheirando cola e dancando nas ruas de salvador, enquanto cometem pequenos crimes. “mas essa baianinha parece uma cinderela. sera que é o anjo que veio iluminar minha vida?”

parte 4 – o proprio coisa-ruim faz sua aparicao, apos baianas chamarem na danca de sata. carlinha se equivoca e dança junto. depois, cena com “dança da sensual” tocando ao fundo. trimassa.

parte 5 – carla perez inicia esse capitulo sendo humilhada afú. turco louco ve carlinha mexendo e começa a gritar descontroladamente. beleza rara toca. banda eva COORDENA. turco louco surta novamente, joga meloes para o alto, canta a musica dos 7 anoes, olha no telescopio e encontra carlinha.

parte 6 – a sorte de carlinha muda quando ela encontra turco louco. numa vibe CREEPY GUY, turco louco contrata carlinha para protagonizar o seu show, ao que ela responde: – “prota o que?”, piada recorrente que se repetirá mais tarde, mostrando todo bom humor e espontaneidade ingenua do povo brasileiro. cena muito perturbadora aos 6:00.

parte 7 – carlinha continua em sua ascenção meteórica. araketu toca e deixa todo mundo pulando que nem pipoca. alexandre pires faz uma ponta. aos 6 minutos, turco louco chama na bizarrice novamente. depois, “ZAVUUM PELOS FUSOS HORARIOS!!!” para conseguir fazer um show em paris e outro em nova iorque no mesmo dia.

parte 8 – carlinha no PROGRAMA AGA, com luciano huck. cade a tiazinha? turco louco marca CINQUENTA SHOWS para o proximo mes. carlinha reclama e cria falsas esperanças de casamento para o turco louco. contadores reclamam do governo e suas entranhas burocraticas. cantorzinho sorridente aparece DO NADA e declara seu amor por carlinha. descobre-se que turco louco fez alexandre pires passar meio ano degredado na africa, “tocando de tribo em tribo”. cena de luta SENSACIONAL aos 4:30 mins. aos SEIS MINUTOS, pra variar, turco louco creepeia tudo de novo. muito sensacional esse ator. “proto o que?”. “acho que estou precisando de um namorado”, carlinha declara.

parte 9 – carlinha solta passarinhos, da licao de moral na galera e DANÇA O TCHAN. no final rola um lance meio RAMBO III com um helicoptero.

classico instantaneo.

it rocks, it rocks

February 19, 2010

quem nao ama ver charles barkley rimando, bom sujeito não é.

it rocks blocking shots on guys with dreadlocks

melhor show do ano passado

February 17, 2010

eits no central park, 30.06.2009

assisti da segunda fila, tomando muita chuva no lombo.

baixardes.

feliz carnaval

February 15, 2010

gotta give it up to those ruskys

February 9, 2010

homem-aranha incendiario causa panico em moscou

Salamano Watch IV

January 27, 2010

À porta de casa, encontrei o velho Salamano. Convidei-o a entrar e ele me informou que o cão se perdera, pois não estava no depósito. Os empregados haviam-lhe dito que talvez fora atropelado. Perguntara se não era possível sabe-lo nas delegacias de polícia. Tinham-lhe respondido que não tomavam nota de coisas como essas, pois aconteciam todos os dias. Disse ao velho Salamano que poderia arranjar outro cão, mas ele me respondeu, com toda a razão, que estava habituado àquele.

Eu estava sentado na cama, e Salamano, numa cadeira diante da mesa. Estava de frente para mim e tinha as mãos sobre os joelhos. Conservava o velho chapéu na cabeça. Sob o bigode amarelecido, mastigava pedaços de frases. Ele me entediava um pouco, mas eu não tinha nada que fazer, e não estava com sono. Para dizer-lhe alguma coisa, fiz-lhe perguntas sobre o cão. Disse-me que o recebera depois da morte da mulher. Casara-se bastante tarde. Na juventude, tivera vontade de fazer teatro; na tropa, representara em vários espetáculos militares. Mas acabara entrando para a estrada de ferro e não se arrependia, pois agora davam-lhe uma pequena aposentadoria. Não fora feliz com a mulher, mas, no todo, habituara-se a ela. Quando ela morreu, sentira-se muito só. Pedira, então, a um colega de escritório que lhe desse um cão, e fora-lhe oferecido este, ainda muito novo. Tivera que o alimentar com mamadeira. Mas, como o cão vive menos que o homem, tinham acabado por envelhecer juntos.

-Tinha mau genio – disse Salamano. – De vez em quando, brigávamos. Mas, apesar disso, era um bom cão.

Quando lhe falei que o cão era de boa raça, Salamano ficou com um ar contente.

-E, olhe – acrescentou – não o conheceu antes da doença. O pelo era o que tinha de mais bonito.

Todas as noites e todas as manhãs, desde que o cão pegara aquela doença de pele, Salamano passava pomada nele. Mas, na sua opinião, a sua verdadeira doença era a velhice, e velhice não se cura.

Nesse momento, bocejei, e o velho anunciou que ia embora. Observei-lhe que podia ficar e que eu estava aborrecido com o que acontecera ao cão. Disse-me que mamãe gostava muito do cão. Ao falar dela, chamava-a de “sua pobre mãe”. Emitiu a opinião de que eu devia sentir-me muito infeliz desde que a minha mãe morrera, e eu nada respondi. Acrescentou então, muito depressa e com um ar sem jeito, que no bairro me tinham criticado por mandá-la para o asilo, mas ele me conhecia e sabia que eu gostava muito de mamãe. Respondi, nao sei ainda por que, que ignorava até o momento que me julgassem um mau filho por causa disso, mas que o asilo me parecera uma coisa natural, pois não tinha recursos para mante-la comigo.

-Além disso – acrescentei – há muito tempo que ela não tinha assunto algum para conversar comigo e se entediava sozinha.

-Sim – concordou ele – e no asilo, pelo menos, arranjam-se amigos.

Depois, despediu-se. Queria dormir. Sua vida agora mudara completamente, e não sabia muito bem o que ia fazer. Pela primeira vez, desde que o conhecia, estendeu-me a mão num gesto furtivo, e eu senti as escamas da pele. Sorriu um pouco e, antes de sair, disse:

-Espero que os cães nao ladrem essa noite. Acho sempre que é o meu.

apoiamos muito

January 5, 2010

em notícias não-relacionadas, melhor video-tutorial sobre masterização.

nem sei o que eu to fazendo INDO EM AULAS e tal. devia ficar em casa vendo esses vídeos no youtube. idiota, eu.

melhor final – “if you grab this joint and you got any questions about it, I don’t know anything about it…”

DO YOU KNOW WHAT I MEAN?!?

show natalino

December 11, 2009

indo comprar minha roupa de papai noel.

o jeito certo de fazer as coisas

November 29, 2009

bah, momento muito sensacional.

 

tem um maluco sentado na mesa da frente da minha, mastigando um sanduiche de salame e tomando uma san pellegrino de litro, no bico.

 

eu e minha falta de originalidade pensamos ao mesmo tempo “preciso disso pra mim”. ato continuo, pauseei o southpark e fui ao balcão, nao sem antes dar de mão numa dessas san pellegrino graúda que repousava no freezer. 

 

paguei e obviamente pedi pro mano do caixa abri-la para mim, já que não tenho os “dentes-de-ferro” (apelido extra-oficial do abridor de garrafas aqui por essas bandas). O cara largou o jogo do real madrid que passava num laptop no balcao e se grudou na minha garrafa, na maior boa vontade, torcendo LOUCAMENTE a tampinha, primeiro com a mão, depois com um guardanapo, depois com dois guardanapos, depois com um guardanapo e um pano, depois com um outro pano maior e mais sujo. 

 

isso tudo enquanto eu, num misto de constrangimento e admiraçao (por botarem um mangolão para operar a caixa registradora) tentava colocar um pouco da boa e velha razão na impulsividade do seu ataque a garrafa, dizendo coisas como “EI CARA, ACHO QUE NÃO É TAMPA-ROSCA, HEIN”, sem nenhum efeito. depois de algumas infrutiferas tentativas, o prestativo atendente sai correndo pra cozinha, enquanto eu penso que “beleza, finalmente ele vai usar as ferramentas adequadas a tarefa que se apresenta”.

 

mas nao, 5 segundos depois o cara volta com a importante informaçåo de que o SHAQUIZE (ou algo assim) ta no seu break, mas ja volta.

 

esse é o cara que tem a manha de abrir garrafa com os dentes, me diz ele, ao que eu pego minha garrafa e VAZO DE CÓCORAS de volta pra minha mesa.

 

depois de machucar um pouco a mao tentando usar a tecnica do isqueiro, que eu nunca dominei.

 

desisto e passo a castigar as bordas da tampa com uma chave grossa, e percebo que ela cede devagarzinho.

 

“to no caminho certo”, penso.

 

e enquanto eu penso isso, *POP* a tampa  salta e vai parar no outro lado do café (que é mais tipo um smoothie bar do que um café, mas também vende café, então tá valendo), caindo que nem o meteorito NAKHLA, que matou um cachorro no egito. ninguem dá bola, mas me desculpo de modo geral mesmo assim. no harm done.

 

ato continuo, o cara-que-ficou-girando-a-tampa-da-minha-garrafa-por-5-minutos vem em direcao a minha mesa, provavelmente pronto pra MORDER a tampa fora, e me parece aliviado ao perceber que eu consegui abrir a garrafa sozinho.

 

obrigado, chave de ferro.

Improv Everywhere

November 29, 2009

Aqui, trecho da boa sessão de improvisos musicais de ontem, com Estonianos e Italianos. 

Moving is a bitch, btw.

Bonnie Billy

November 19, 2009

Tocando DEATH TO EVERYONE com The Picket Line, banda de Bluegrass Kentuckyana, que tá gravando (já gravou) um disco de versões bluegrass de músicas do hirsuto cantor misturadas com uns classicos do genre.

 

ontem, bleecker street, perto das 10pm

November 8, 2009

2 mendigos na rua, um sentado numa soleira de porta, o outro em pé ao lado (e um terceiro se cuspindo no meio fio, mas esse não tava no diálogo).

-…and I went thru school, college and shit…

– really? what is your major?

– psychology.

– get outta here!

em cima da hora

October 23, 2009

e hoje, vamos fazer uns barulhos ambientes nesse hotel, e tals.

 

(trimassa, o hotel. cada quarto é pintado por um artista diferente, que nele se hospedou. 30 anos de quartos sendo pintados. hoje inauguram mais um)

ok, vou lá preparar um toddy e me fui.

bjos.

metalman vs. ringo (ns)

October 17, 2009

 

Bom, aqui me quedava eu, fazendo uma espécie de batalha involuntaria* de Ravel vs. Beatles, e parei tudo só pra direcionar quem porventura estiver por aqui para ISSO AQUI

 

 

 

 

* – O Bolero de Ravel pela Filarmonica de Berlim tocava na sala quando eu abri esse site, comecei a ouvir as versoes videogame dos Beatles eTUDO RUIU**. Agora to ouvindo isso sem parar, jogando Megaman II e comendo canja.

 

** – Comecei ouvindo a versao sensacional (todas são) para “being for the benefit of mr kite”, da Burnkit2600 (3 CIRCUIT BENDERS FAMOSOS) e tive que ir correndo pra sala, desligar o estereo. (isso que Ravel é uma das partes boas da trilha de Trainspotting, aquela na qual Renton se tranca em casa com um monte de latas de sopa, papel higienico e baldes pra tentar evitar a fadiga, ou algo assim). Pra voces verem o quão sensacionais são essas versoes metróides de beatles.

 

pra voces verem.

 

é.